Painéis


O Tribunal destina anualmente uma parcela do orçamento para a Tecnologia da Informação. A aplicação dos recursos divide-se entre as despesas necessárias para manter o funcionamento dos serviços suportados pela TIC (custeio) e os investimentos para ampliar a capacidade e criar novos serviços, sempre vinculados às necessidades do Tribunal e alinhados aos planos estratégicos institucional e de tecnologia da informação.