Vice-presidente do TRT-MA e comandante do 24º BIS se reúnem para discutir ações de combate à Covid-19 e formalização de convênio

sexta-feira, 15 de Janeiro de 2021 - 14:04
Redator
Lucas Ribeiro
Revisor
Suely Cavalcante
Combate à covid-19 e formalização de convênio foram os temas da reunião
O vice-presidente e o diretor-geral do TRT entre o comandante e o sargento do 24º BIS

O vice-presidente do Tribunal Regional do Trabalho da 16ª Região (Maranhão), no exercício da presidência, desembargador José Evandro de Souza, se reuniu na tarde de ontem (14), no Gabinete da Presidência, com o comandante do 24º Batalhão de Infantaria de Selva (24º BIS), tenente-coronel Sérgio Henrique Lopes Rendeiro. Durante a reunião, foi discutida a formalização de um convênio entre as instituições para a realização de ações de combate à Covid-19 e de atuação em projetos sociais. 
A reunião contou ainda com a presença do diretor-geral do TRT-MA, Manoel Pedro Castro, e o sargento do 24º BIS James Franck Lopes. 
O desembargador José Evandro de Souza relembrou a ação efetuada pelo Batalhão que sanitizou as instalações do TRT-MA no ano passado. Sob o comando do coronel Luciano Freitas e Sousa Filho, o prédio-sede do Tribunal e o Fórum Astolfo Serra tiveram suas dependências sanitizadas, a fim de conter a disseminação do novo coronavírus. “A pretensão é de que possam ocorrer mais ações como essas durante o ano de 2021 nas nossas instalações. Queríamos solicitar essa parceria com o 24º Batalhão”, propôs o vice-presidente.
O tenente-coronel Sérgio Rendeiro afirmou que o Batalhão está à disposição do Tribunal e que essa prevenção é importante. “Estamos justamente nos colocando à disposição para o que precisar, porque hoje, para gente, isso é prioridade (combater o vírus)”, ressaltou. O oficial explicou que já há dois decretos de operação abertos voltados para o combate à Covid-19 e para a área do meio-ambiente. “Nós estamos prontos para atuar”, enfatizou. Ele salientou também que uma parceria com o TRT-MA trará benefícios mútuos. 
O diretor-geral, Manoel Pedro, destacou que, com a formalização de um convênio, a Justiça do Trabalho pode contribuir para os programas sociais do 24º BIS. “Podemos emprestar apoio aos programas realizados por vocês por meio de palestras e outras questões que sensibilizem o Tribunal”, sugeriu. Ele completou ao afirmar que o TRT-MA tem interesse em estar em campo com o Batalhão para participar de ações de aprendizado social, como as implementadas pelo 24º BIS com crianças. “Temos juízes com formação vocacional para estar envolvidos nesse processo de troca de experiências com crianças”, apontou. 
O vice-presidente ressaltou que o TRT-MA tem uma vasta experiência em projetos sociais, entre eles, o programa TRT na Escola, desenvolvido pela Escola Judicial. Ao falar sobre o programa ao tenente-coronel Sérgio Rendeiro, o desembargador disse que, por meio das ações do TRT na Escola, já foram capacitados 80 mil crianças e adolescentes nos mais diversos temas, como, por exemplo, o trabalho infantil e escravo. “É um trabalho muito bem feito e que podemos trabalhar, ao lado da Escola Judicial, nessa parceria”, sugeriu o desembargador. 
Por fim, o diretor-geral explicou que será apresentada uma minuta, com a devida aprovação da alta administração do TRT-MA, ao 24º Batalhão para a formalização do convênio entre as instituições. O vice-presidente ressaltou que a minuta estará aberta para sugestões do Batalhão caso haja o interesse da contribuição do Tribunal em outros projetos desenvolvidos pelo 24º BIS.
O vice-presidente e o diretor-geral do TRT-MA foram presenteados ainda pelo o tenente-coronel Sérgio Rendeiro com canetas comemorativas dos 150 anos do 24º Batalhão de Infantaria de Selva. 
 

167 visualizações