Servidor faz entrega de monografia à presidenta do TRT-MA

sexta-feira, 26 de Janeiro de 2007 - 0:00
O servidor do Tribunal Regional do Trabalho do Maranhão José Vicente Araújo dos Santos, lotado na Diretoria de Informática, visitou, nesta sexta-feira (26), a presidenta do TRT, desembargadora Kátia Magalhães Arruda, para presenteá-la com um exemplar de sua monografia, cuja pesquisa foi centrada no trabalho desenvolvido pelo Serviço de Comunicação deste Tribunal.

No encontro, José Vicente sintetizou o resultado da pesquisa. A presidenta agradeceu o presente e prometeu, após uma leitura mais apurada, fazer doação da obra para a biblioteca do Tribunal, por considerar que o trabalho apresentado mereça estar acessível a todos os servidores, em virtude de seu interesse para a instituição.

MONOGRAFIA

A monografia de José Vicente, que teve como um dos focos da pesquisa a importância da Comunicação e as atividades desenvolvidas pelo Serviço de Comunicação do Tribunal Regional do Trabalho do Maranhão, foi apresentada como trabalho de conclusão do curso de Publicidade e Propaganda da Faculdade de São Luís. O trabalho foi realizado em parceria com Ademildes do Livramento Ferreira da Silva e Isabela Ramos Siqueira. O Projeto Experimental apresentado demonstra a importância dos profissionais e da assessoria de comunicação dentro de uma instituição, abrangendo todas as áreas de comunicação, evidenciando a comunicação integrada tão em voga nas organizações atualmente.

Foi efetuado um estudo de caso sobre a comunicação realizada no TRT da 16ª Região e através de uma pesquisa realizada pelos universitários foi constatado que 45% dos entrevistados consideram o Serviço de Comunicação importante e 31% o consideram fundamental. Também, detectou-se que 55% dos entrevistados consideram que as atividades desenvolvidas pelo setor são boas, o que segundo os universitários, mostra a existência de um reconhecimento ao trabalho desenvolvido pelo setor.

A pesquisa indica também que 75% dos pesquisados consideram boa a imagem da instituição, o que para eles, significa dizer que a maioria dos magistrados e servidores considera que a instituição atinge os objetivos aos quais se propõe.

Com relação aos informativos disponibilizados pelo Serviço de Comunicação, 63% afirmam que eles atraem a atenção com suas notícias e 94% confirmaram que conhecem os informativos voltados para o público interno. Entre os informativos considerados mais importantes e mais lidos, 41% disseram que acessam ou lêem mais o TRT on Line, informativo enviado semanalmente via caixa de e-mail a todos os magistrados e servidores. Em segundo lugar está o Informativo Ascom, agência de notícias disponibilizada no site do TRT diariamente.

Com relação a um elemento gráfico que evidencie a instituição, cerca de 58% dos entrevistados afirmam que não relacionam o TRT a nenhum símbolo gráfico e 61% consideram que ao longo dos seus 17 anos de existência, este Regional não conseguiu produzir peças gráficas, entre as várias já emitidas, na qual fosse percebida alguma uniformidade, ou seja, a presença de um elemento visual em comum, o que, na opinião dos pesquisadores, ratifica a não-existência de padronização e uniformidade nas suas publicações.

Como ponto negativo da pesquisa, os entrevistados afirmaram que as atividades desenvolvidas pelo Serviço de Comunicação estão mais voltadas para o cunho jornalístico, o que certamente acontece pela formação dos profissionais que estão lotados no setor. Em função disso, 86% das pessoas questionadas acreditam que a inclusão de profissionais das outras áreas de comunicação no Serviço de Comunicação melhoraria e muito as atividades realizadas pelo setor. Como exemplo, na opinião dos universitários, a falta do elemento gráfico que identifique o TRT é resultado da falta de um profissional específico na área da Publicidade e Propaganda que possa atuar na organização. “Percebemos que a tendência maior é pelo trabalho na área da Assessoria de Imprensa, mas o setor também desenvolve projetos estratégicos e realiza campanha

1 visualização