Justiça do Trabalho no Maranhão soma mais de 1,3 mi atos processuais em trabalho remoto

terça-feira, 6 de Julho de 2021 - 9:18
Redator
Suely Cavalcante
Produtividade da semana de 28.6 a 4.7.2021

A produção de magistrados, magistradas, servidores e servidoras da Justiça do Trabalho no Maranhão (JT-MA) em trabalho remoto totalizava, até o último domingo (4/7), 1 milhão, 313 mil e 489 atos processuais. Os números estão no boletim semanal divulgado hoje (6), pela Coordenadoria de Gestão Estratégica, Estatística e Pesquisa (CGEEP) do Tribunal Regional do Trabalho da 16ª Região (Maranhão). A produção judicial acumulada corresponde ao período de 13 de março de 2020 a 4 de julho de 2021. Na semana de 28 de junho a 4 de julho, foram produzidos 19.776 atos judiciais.
Produtividade em trabalho remoto referente ao período de 13.3.2020 a 4.7.2021: 50.205 sentenças; 74.005 decisões; 18.619 acórdãos; 216.234 despachos; 20.070 alvarás; 21.880 processos baixados na fase de execução; 12.691 penhoras online; e 899.785 documentos juntados aos autos por servidores.
Produtividade referente à semana de 28.6 a 4.7.2021: 1.144 sentenças; 914 decisões; 103 acórdãos; 3.088 despachos; 601 alvarás expedidos; 604 processos baixados na fase de execução; 153 penhoras online; e 13.169 documentos juntados aos autos por servidores.
Presidente do TRT-MA mantém suspensão de atividades presencias em São Luís e determina retorno de atividades presenciais no Fórum de Imperatriz  
O presidente do Tribunal Regional do Trabalho da 16ª Região (Maranhão), desembargador José Evandro de Souza, manteve a suspensão das atividades presenciais no âmbito do TRT-MA, com exceção do que for considerado serviço essencial, até o dia 9 de julho de 2021. O presidente também determinou a retomada das atividades presenciais no Fórum Manuel Alfredo Martins e Rocha, localizado na cidade de Imperatriz, na etapa 1. Nessa etapa devem permanecer nas atividades presenciais o limite percentual de 30% dos servidores, servidoras, incluindo estagiários e estagiárias. 
A determinação consta no Ato do Gabinete da Presidência nº 25/2021. Leia matéria completa sobre a determinação.

27 visualizações