Chefe do Setor de Gestão Socioambiental do TRT-MA fala sobre a campanha #NãoÉMito no STJ

sexta-feira, 12 de Julho de 2019 - 14:21
Marcelo compartilhou experiência do TRT-MA durante palestra no STJ
Marcelo com outros participantes do seminário no STJ

A experiência da implementação do protejo no TRT-MA foi o assunto abordado pelo chefe do Setor de Gestão Socioambiental do Tribunal, Marcelo Henrique Bandeira Costa de Alencar, no VI Seminário de Planejamento Estratégico Sustentável do Judiciário, promovido pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ), nos dias 26 e 27 de junho, em Brasília. 
Em sua 6ª edição, o seminário é o principal evento de sustentabilidade na gestão pública do país. Marcelo de Alencar, no segundo dia de programação, ministrou a palestra " Engajamento Inclusivo - Uma Experiência do TRT da 16ª Região". A oportunidade surgiu a convite da assessora-chefe da Assessoria de Gestão Socioambiental do STJ, Ketlin Feitosa Scartezini. 
Ao abrir a palestra, o gestor relatou a história da primeira criança contemplada pelo projeto. Ele relembrou que Ana Vitória, de 8 anos, tinha dificuldades de locomoção por não possuir uma cadeira de rodas adequada e, por isso, foi escolhida para ganhar uma feita sob medida por meio da parceria do TRT-MA com a ONG. Marcelo de Alencar abordou ainda sobre como funciona a fabricação das cadeiras, a quantidade de lacres necessário e alguns dos resultados já alcançados pelo Tribunal.
Segundo ele, a palestra proporcionou a oportunidade de uma mobilização nacional para a campanha #NãoÉMito. "Alguns órgãos já solicitaram informações visando realizar um convênio com a ONG Entre Rodas. O objetivo é montar uma rede nacional de arrecadação, composta de órgãos públicos", afirmou. 
Dentre os órgãos que já entraram em contato com a Entre Rodas após a palestra, alguns são dos estados do Rio de Janeiro, Mato Grosso, Maranhão e São Paulo. Já o TRT-MA aderiu a campanha desde 2018 e é o primeiro órgão público do país a assinar convênio com a ONG. Sobre a arrecadação, até o primeiro semestre deste ano, o Tribunal já conseguiu 800kg de lacres. 
Marcelo Alencar ressaltou ainda a iniciativa colaborativa dos gestores presentes no seminário, que ele considera importante para ampliar o alcance das boas práticas. Sobre o evento, ele destacou o intercâmbio de experiências. "A troca de experiências e conhecimento de boas práticas dos demais órgãos públicos é muito útil para implantação prática e melhoria das ações de sustentabilidade". 
Colabore 
Você também pode contribuir. Não jogue os anéis de alumínio no lixo ou no meio ambiente. Conheça os pontos de coletas e dê mais autonomia a uma criança com baixa mobilidade com uma prática responsável. Entre em contato com a ONG Entre Rodas e saiba como dar a destinação correta para esses resíduos. Saiba mais no site da ONG (www.entrerodas.org) ou no Setor de Gestão Socioambiental do TRT-MA pelo telefone (98) 2109 9573.
Redação: Lucas Ribeiro (estagiário de Jornalismo)
Jornalista Responsável: Suely Cavalcante.
 

7 visualizações